Investimento e aplicação automática: como funciona na Conta Azul

Na Conta Azul você terá mais transparência e assertividade para gerenciar seu dinheiro. Com o cadastro de diferentes tipos de contas financeiras, você tem a possibilidade de acompanhar, inclusive, seus rendimentos investidos e aplicados.

Entenda as diferenças entre as contas Investimento e Aplicação Automática.

Investimento

Na maioria dos casos, é um valor que o cliente deixa sob posse do banco para ter um rendimento após o período escolhido. Geralmente a longo prazo e diferente da conta aplicação, é uma opção do cliente.

O cadastro na Conta Azul serve para controlar os investimentos que a empresa possui registrados no banco, cujos rendimentos, diferentemente da conta aplicação automática, ocorrem na própria conta de investimento.

Esses rendimentos precisam ser registrados na Conta Azul como receitas financeiras e assim, consequentemente, manter o saldo da conta investimento igual ao saldo dos investimentos no banco.

Alguns dos tipos de investimento mais comuns que podem aparecer no seu extrato são:

  • Aplicação - resgate automático
  • Renda Fixa, Fundos
  • LCA, LCI
  • CDB, CDI
  • Fundos de Investimentos
  • Poupança
Aplicação automática

É um produto da conta corrente e acontece diariamente. Assim como a conta investimento, existe rendimento. A diferença entre um e outro, é que o investimento tende a ser para um prazo maior.

A aplicação, pode ou não ser uma escolha do cliente, pois muitas vezes o banco aplica determinado valor da conta corrente, sem que o cliente tenha configurado este serviço.

A Conta Azul permite que você controle, através de transferências entre contas, o valor aplicado e resgatado automaticamente pelo banco, facilitando o controle do saldo tanto da conta de aplicação automática quanto da conta corrente.

 

Dica! 

Converse com seu gerente bancário para entender a realidade da sua conta, os benefícios e oportunidades de investir e aplicar seu dinheiro.

Como funciona na Conta Azul

Por meio da conciliação bancária, as entradas e saídas da sua conta corrente serão trazidas para o ERP, todas as aplicações e resgates de qualquer tipo de investimento são consideradas transferências entre contas, geralmente saindo da sua conta corrente e indo para a conta Investimento/Aplicação automática e vice-versa.

Para cadastrar uma conta aplicação ou investimento acesse Financeiro > Contas Financeiras > Nova Conta Financeira e seleciona e conta desejada.

 

Importante!

Algumas dessas aplicações podem ser feitas pelo próprio banco e outras são feitas por você, via TED, DOC, depósito, programada, etc. Em caso de diferença de saldo, olhe atentamente seu extrato bancário da aplicação e as conciliações ignoradas para entender onde pode estar o valor faltante.

 

Se os valores que totalizam a diferença não forem trazidos pelo banco, cadastre manualmente no seu financeiro:

  • Contas a pagar: todas as saídas da sua conta corrente (investimento e aplicações, impostos retidos)
  • Contas a receber: todas as entradas na sua conta corrente (resgate e rendimento)

 

Todas as movimentações criadas (automática ou manualmente) aparecerão nos relatórios e no Financeiro. Se desejar ocultá-lo temporariamente, basta desmarcá-lo no filtro de Contas. Por padrão, todas as contas bancárias vêm pré-selecionadas. 

Esse artigo foi útil?
Usuários que acharam isso útil: 9 de 19

Comentários

0 comentário

Por favor, entre para comentar.

Esse artigo está
sendo útil?