Aviso: A versão clássica da Conta Azul deixou de ser comercializada. Para melhor atender os donos de negócio e contadores, empresas que já usavam a versão Clássica podem permanecer nela. Novas assinaturas obrigatoriamente devem usar a versão Pro. Para saber mais clique aqui.
Pergunta Frequente

Cálculo DIFAL por dentro ou base dupla, o que é?

Bruna Schmitz
Bruna Schmitz
- Atualizado

Nesta forma de cálculo, são utilizadas duas bases de cálculo para encontrar o valor final de diferencial de alíquotas, sendo que, em uma delas, é realizada a exclusão do ICMS Interestadual da base de cálculo, e em outra, é feita a inclusão do ICMS Interno (ICMS por dentro).

 

Importante: Estados que adotam o DIFAL por dentro: AL, BA, GO, MG, MS, PA, PB, PE, PI, PR, RS, SC, SE, SP e TO.

 

Vamos supor uma operação de venda para consumidor final em que o estado do remetente é do Mato Grosso e o consumidor final é Minas Gerais. Os dados da operação são estes:

    • De MT para MG

    • Operação (produto + despesas + IPI - descontos) = R$1000,00

    • Alíquota ICMS Interestadual de MT = 12%

    • Alíquota ICMS Interna MG = 18%

 

Passo 1

Identificar o ICMS Interestadual que foi recolhido pelo remetente da mercadoria. Este valor vem destacado na nota, mas o cálculo funciona da seguinte forma:

ICMS interestadual = Valor da Operação x alíquota interestadual

  • ICMS interestadual = R$ 1.000,00 x 12%
  • ICMS interestadual = R$ 1.000,00 x 0,12
  • ICMS interestadual = R$ 120,00

 

Passo 2

Calcular a base de cálculo 1. O objetivo dessa etapa é fazer a exclusão do ICMS Interestadual que está embutido no valor da operação.

Base de cálculo 1 = Valor da Operação – ICMS interestadual

  • Base de cálculo 1 = R$ 1.000,00 – R$ 120,00
  • Base de cálculo 1 = R$ 880,00

 

Passo 3

Calcular a base de cálculo 2. Nesta etapa, encontraremos a base de cálculo que será usada para definirmos o valor do ICMS Interno no passo 3. Nela, haverá a inclusão do ICMS Interno na base de cálculo.

Base de cálculo 2 = Base de cálculo1 / (1 – Alíquota Interna)

  • Base de cálculo 2 = R$ 880,00 / (1 – 18%)
  • Base de cálculo 2 = R$ 880,00 / (1 – 0,18)
  • Base de cálculo 2 = R$ 880,00 / 0,82
  • Base de cálculo 2 = R$ 1.073,17

 

Passo 4

Calcular ICMS Interno.

ICMS Interno = Base de cálculo 2 x Alíquota Interna

  • ICMS Interno = R$ 1.073,17 x 18%
  • ICMS Interno = R$ 1.073,17 x 0,18
  • ICMS Interno = R$ 193,17

 

Passo 5

Calcular o valor DIFAL. Na última etapa do cálculo, é preciso realizar a diferença entre os valores de ICMS Interno e ICMS Interestadual (que veio destacado na nota), para que seja encontrado o valor final de DIFAL.

DIFAL = ICMS Interno – ICMS Interestadual

  • DIFAL = R$ 193,17 – R$ 120,00
  • DIFAL = R$ 73,17

 

Dica: No exemplo de cálculo, não consideramos a cobrança de Fundo de Combate à Pobreza.


Compartilhe esse artigo:

Esse artigo foi útil?

Usuários que acharam isso útil: 0 de 0
Ainda não possui Conta Azul  em sua empresa?  A plataforma online fácil de usar que ajuda você a organizar e controlar seus  negócios. Experimente agora